Onde afundou o SS Nemesis? Mistério com mais de 120 anos resolvido

A tripulação do navio, desaparecido em 1904, morreu e os corpos foram dando à costa, na Austrália, ao longo das semanas seguintes. Nunca se descobriu onde estavam os restos do barco… até agora.

Os restos de um navio que naufragou há 120 anos na costa australiana foram identificados como pertencentes ao SS Nemesis, colocando fim a um mistério com 120 anos.

De acordo com o que o ministério do Ambiente e Património de Nova Gales do Sul explica, o navio em causa foi detetado acidentalmente em 2022, nas águas junto a Port Kembla, na região australiana de Nova Gales do Sul, quando uma empresa procurava contentores que estavam também perdidos no mar.

“O mistério do SS Nemesis, com 120 anos, e dos 32 tripulantes que perderam a vida foi resolvido”, afirmou o ministério em comunicado.

Os responsáveis explicam ainda que, apesar de os restos terem sido encontrados em 2022, só em setembro de 2023 é que, com a ajuda da Agência Nacional de Ciência, se conseguiu captar imagens subaquáticas que identificavam as marcas distintivas do barco a vapor, que, em em julho de 1904 transportava carvão até à cidade australiana de Melbourne.

“A nossa inspeção visual dos destroços mostrou que algumas estruturas-chave estavam intactas e identificáveis, incluindo duas âncoras do navio”, explicou Phil Vandenbossche, um dos investigadores também em comunicado.

Segundo explicam as publicações norte-americanas, houve depois uma investigação por forma a perceber o que se tinha passado com o navio, que tirou a vida a 32 pessoas – cujos corpos foram dando à costa nas semanas seguintes ao acidente.

Os investigadores determinaram que muito provavelmente o navio foi atingido por uma grande onda e que o motor foi ‘engolido’, tendo o navio naufragado demasiado rápido “para que os barcos salva-vidas fossem acionados”.

O governo australiano refere agora que está determinado em encontrar os familiares das vítimas – que tinham nacionalidade australiana, britânica e canadiana. “Cerca de 40 crianças perderam os seus pais neste naufrágio e eu espero que esta descoberta traga algum tipo de fecho para as famílias e amigos”, explicou Penny Sharpe, ministro responsável pela pasta que anunciou a descoberta.

“A perda do Nemesis tem sido descrita como um dos mistérios marítimos mais duradouros de Sydney e foi mesmo descrita pelos investigadores de naufrágios como o ‘Santo Graal'”, disse Sharpe, acrescentando: “Graças ao trabalho de colaboração com a CSIRO e a Subsea, utilizando tecnologia moderna e registos históricos, a Heritage NSW conseguiu escrever o capítulo final da história do SS Nemesis”.

Veja as imagens na galeria acima.

Leia Também: “Não temos macho”. Gravidez de raia choca aquário nos EUA (e há teorias)

Seja sempre o primeiro a saber. Oitavo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online. Descarregue a nossa App gratuita. iOS

News Related

OTHER NEWS

Região de Lisboa, Alentejo e Algarve sob aviso amarelo na 5.ª feira por causa da chuva

Tiago Petinga/LUSA Lisboa, 27 nov 2023 (Lusa) – Lisboa, Setúbal, Évora, Beja, Portalegre e Faro vão estar sob aviso amarelo a partir da madrugada de quinta-feira, devido à previsão de ... Read more »

Primeiro-ministro britânico vai recusar devolver à Grécia mármores do Partenon

Chris Ratcliffe / POOL/EPA Londres, 27 nov 2023 (Lusa) – O primeiro-ministro britânico, Rishi Sunak, vai recusar devolver à Grécia os mármores do Partenon, guardados no Museu Britânico, em Londres, ... Read more »

"Tchau Chico!": médio do FC Porto 'desorientado' à entrada do avião rumo a Barcelona

O futebolista de 20 anos entrou no local errado no interior da aeronave, e não se livrou de algumas brincadeiras dos colegas de equipa. “Tchau Chico!”: médio do FC Porto ... Read more »

Bastonário dos médicos lança apelo ao ministro e à Direção Executiva do SNS

Carlos Cortes, Bastonário da Ordem dos Médicos. Foto: DR O bastonário da Ordem dos Médicos apelou, esta segunda-feira, ao ministro da Saúde para ouvir estes profissionais e ponderar “com seriedade” ... Read more »

Clima: Mar gelado da Antártida recuou em setembro 1,5 milhões km2 homólogos

Antártida (EPA/Alberto Valdes) A superfície gelada do mar na Antártida retrocedeu em setembro 1,5 milhões de quilómetros quadrados em termos homólogos, revelou esta segunda-feira o secretário-geral da ONU, António Guterres, ... Read more »

MotoGP: Miguel Oliveira mantém 88, mas ainda se desconhece a equipa

A DORNA divulgou também alterações aos regulamentos, de forma a permitir concessões de evoluções à Yamaha e à Honda, os dois construtores japoneses que se viram suplantados pela Ducati. MotoGP: ... Read more »

Blackstone está de olhos postos na compra de imóveis na Europa

Steve Schwarzman, fundador e CEO da Blackstone A gigante norte-americana Blackstone já tem vários negócios imobiliários na Europa e em Portugal. E deverá reforçar o seu investimento em breve. Isto ... Read more »
Top List in the World